RP 2.0 – Encontro na ECA-USP discute a gestão da imagem na internet

 

Por Mateus Truffi

 

No dia 11 de Novembro, a MWeb esteve presente no IX Encontro de Relações Públicas, evento organizado por estudantes do 1º ano de Relações Públicas da ECA-USP, que teve como tema central a “Gestão de Imagem na Internet”. Entre os convidados estavam representantes de grandes empresas e o Profº Dr. Marcelo Coutinho – FGV/ESPM, que também atua como Consultor de Estratégia Digital.

Na abertura do evento, Marcelo Coutinho ministrou palestra sobre gestão de imagem nas mídias sociais. Durante toda sua fala, Coutinho reforçou o enfoque estratégico que deve ser dado às mídias sociais tornando, portanto, necessária uma real compreensão do funcionamento destas redes.

Com o advento da internet e plataformas colaborativas, devem ser repensados os antigos métodos para construção de reputação, que se limitavam a criar mensagens e divulgar informações sobre a marca. No cenário atual, os profissionais da comunicação perdem o domínio sobre o processo, que passa a ser permeado por interações sociais.

Atualmente, a empresa não tem o poder de decidir ficar fora das mídias socais, uma vez que, mesmo que não crie perfis oficiais, os consumidores já falam sobre as marcas, queiram elas ou não. Cabe, portanto, à empresa decidir se vai ou não gerenciar esta presença já existente.

As empresas, regidas por processos, são incapazes de responder com a mesma velocidade com que os consumidores postam seus comentários, porém é necessário que esta diferença seja reduzida ao máximo, pois, quando uma instituição responde a um cliente, ele reconhece a atenção recebida. Como resultado, conquista-se uma melhor reputação.

Para encerrar sua palestra, Marcelo Coutinho relembrou que, enquanto os consumidores e internautas buscam trocas sociais, as empresas têm, por princípio, o objetivo de lucrar, o que pode causar desconforto neste relacionamento on-line, caso não seja bem administrado. Na saída os participantes foram convidados para um coffee break, em que foi possível dialogar com os palestrantes e outros professores da ECA, como o Profº. Drº. Luiz Alberto de Farias e o Profº Dr. Luli Radfharer.

 

 

Anúncios

Grupo Máquina participa dos 10 anos do MBC

Prefeitos finalistas recebem homenagem do MBC

 

Por Camila Fernandes e Ana Paula Bessa

O Movimento Brasil Competitivo (MBC) completou 10 anos de história em novembro deste ano! A década de trabalho em prol da competitividade do país foi comemorada no último dia 08, no Hotel Grand Hyatt, em São Paulo. O jantar foi realizado juntamente com a cerimônia de entrega do Prêmio Prefeito Inovador (PPI), iniciativa que estimula a modernização e a desburocratização do serviço público municipal brasileiro.

A equipe Máquina Brasília acompanhou toda a preparação para a data, do planejamento estratégico de comunicação ao lançamento da logomarca comemorativa dos 10 anos. As ações diretas para a data começaram em agosto, com o trabalho prévio de relacionamento com as assessorias de imprensa das empresas parceiras, governos e prefeituras que contribuem para o Movimento pela qualidade, produtividade e transparência no país.

Em termos de imprensa, por definição da entidade, o jantar foi restrito, contando apenas com a presença de colunistas e formadores de opinião convidados. Sendo assim, a divulgação do evento teve foco na cerimônia de entrega do PPI, por meio do levantamento de informações sobre as finalistas e vencedoras, elaboração e disparo de notas e releases regionais. O contato rendeu inserções positivas e uma demanda de imprensa significativa.

A noite, muito emocionante, contou com homenagem ao seu presidente fundador, Jorge Gerdau Johannpeter, que liderou, em 2001, o grupo de empresários preocupados em melhorar o ambiente de negócios no Brasil. O sucesso e os resultados alcançados pelo MBC contribuíram para as inserções sobre os 10 anos em veículos nacionais e mídias regionais que acompanham o trabalho para a melhoria da qualidade de vida dos brasileiros!

Jorge Gerdau, presidente fundador, e Erik Camarano, diretor presidente, com a equipe do MBC

Redes Sociais

Como foco na interatividade, seguimos as edições anteriores e utilizamos a hashtag #PPI nas atualizações nas redes sociais. Para garantir maior participação das prefeituras finalistas e vencedoras do Prêmio adicionamos os respectivos perfis. Sugerir a participação por meio da transmissão ao vivo foi uma iniciativa muito positiva! Além dos novos seguidores nos perfis do MBC, os servidores envolvidos com os projetos inscritos agradeceram a oportunidade.

Durante a transmissão ao vivo, feita por uma equipe especializada em livestream, e por meio das redes sociais do MBC e do Grupo Máquina, vários seguidores retweetaram as mensagens e fizeram menção ao perfil do Movimento. No Facebook, a inserção das fotos do evento repercutiu com diversos ‘likes’ e comentários.

Presenças Ilustres

O Prêmio Prefeito Inovador, embora esteja em sua terceira edição, já possui imagem reforçada nacionalmente pelo posicionamento que adota e também graças ao apoio de seus realizadores: Microsoft Brasil, Symnetics e Intel do Brasil. Os esforços de comunicação e a tradição do reconhecimento colaboraram para garantir a presença de convidados ilustres, como o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, o prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab, e o governador de Pernambuco, Eduardo Campos.

Mulheres Empreendedoras

Por Camila Fernandes

 

A convite da ministra do Meio Ambiente, Izabella Teixeira, a Máquina Brasília participou do encontro “Mulheres Rumo à Rio+20: A Sustentabilidade no Feminino”, iniciativa realizada em parceria com a Secretaria de Políticas para as Mulheres (SPM). O evento reuniu 200 líderes de empresas privadas e públicas, ONGs e órgãos do Governo.

 

A proposa é ampliar e consolidar a Rede de Mulheres Brasileiras pela Sustentabilidade. Entre os principais temas em pauta estavam o papel das mulheres nos conselhos de administração e o incentivo ao empreendedorismo verde, conceito relacionado aos negócios sustentáveis e à promoção de novos padrões de consumo e de valores que levem ao consumo responsável.

 

A ministra Iriny Lopes, da SPM, conduziu a abertura da Conferência. Ao mencionar o avanço das brasileiras no cenário nacional, ela mencionou a eleição da presidente Dilma como um “marco decisivo” na história. “A política desse governo leva em conta os recortes de gênero e considera fundamental a presença das mulheres na busca pela política afirmativa no enfrentamento à miséria e a pobreza extrema”.

 

Também estiveram presentes a ex-ministra da SPM, Nilcéia Freire, atual presidente da Fundação Ford no Brasil, Junia Puglia, representando a ONU Mulheres no Brasil e Cone Sul. Além das deputadas federais Jandira Feghali (RJ) e Elcione Barbalho (PA), procuradora da Mulher na Câmara e a embaixatriz Lúcia Flecha de Lima, representando o Senado.

 

Continuidade

Ao final das discussões, o encontro criou três Grupos de Trabalho com a missão de desenvolver um programa e indicar suas ações prioritárias, bem como os meios de implementação, em cada um dos temas-chave. A articulação servirá para elaborar o documento “Iniciativa Brasil de Mulheres pela Sustentabilidade”, a ser lançado em painel na Conferência das Nações Unidas sobre Desenvolvimento Sustentável, a Rio+20.

 

Rio+20

A ministra do Meio Ambiente (MMA), Izabella Teixeira, lembrou a realização da Conferência do Rio sobre Meio Ambiente e Desenvolvimento, a Rio 92. “Tínhamos um grande problema com os altos números de natalidade, o que ocasionava pobreza. Hoje, somos um país em crescimento e, na Rio+20, o principal foco serão as políticas públicas”, observou.

 

Segundo ela, o que se espera, tanto em nível nacional como internacional, é gerar a mobilização dos “recursos políticos necessários para encontrar uma saída duradoura para a crise internacional, levando em conta a complexidade de seus aspectos econômicos, sociais e ambientais”.

 

 

Confira a matéria (http://maquina.inf.br/maquinaNet/jsp/noticias.jsp?idNoticia=1321643305033)

 

Confira o site da Rio+20 (http://rio20.net/pt-br/)

 

 

Google+ lança recurso para páginas de empresas

 

Por Patrícia Barão

 

 

A rede social Google+ ganhou um novo recurso no dia 07 de novembro: agora é possível empresas e marcas criarem suas páginas na plataforma. No Google+, o usuário poderá seguir as marcas, empresas e serviços que deseja e dividi-los em círculos. Marcas como o jogo Angry Birds, Muppets,  e o time Barcelona são destaques internacionais da rede. Em uma busca rápida, só nas primeiras horas de existência do novo recurso, já são mais de 50 páginas corporativas criadas.

Para as áreas de marketing é importante observar que a página do Google+ não é a mesma coisa que a fanpage do Facebook. Ela vai trazer algumas novidades que podem ser muito bem aproveitadas pelas empresas que desejam investir nessa rede social.

O primeiro item a se observar é que o Google possui um grande número de serviços e produtos e o Google+ vai se beneficiar de todos eles, o que aumenta o potencial de serviços que uma página do G+ pode oferecer para uma empresa.

O Google+ também oferece a função de hangout, uma ferramenta  de videoconferência que, se bem planejada, pode oferecer diversas oportunidades de ações de marketing online, assim como facilitar o atendimento online para uma marca, relacionamento de CEOs com formadores de opinião, entre outras ideias.

Cada link compartilhado na plataforma  poderá ter implicações de SEO (search engine optimization) e em social ads. Quando um item é compartilhado no Google+ e recebe o +1 de um usuário , isso é mostrado nos resultados de busca orgânica do mesmo, como uma espécie de recomendação da sua rede de contatos para a sua busca.  Isso significa que as equipes de SEO vão prestar bastante atenção na estratégia de conteúdo das marcas, uma vez que ele pode elevar o ranking nos resultados de busca. Assim como o +1 vai aparecer nas buscas orgânicas, ele também poderá ser aproveitado para otimizar links patrocinados, pesquisa paga e na exibição de anúncios publicados no Google.

Outro lançamento do popular buscador é o Direct Connect (ainda está em fase de testes). Quando pesquisar o nome de uma empresa no mecanismo de busca do Google precedido pelo sinal de mais (+), o usuário será levado diretamente à página da empresa no Google+, se ela já tiver criado uma página. Veja o vídeo (link do vídeo: http://youtu.be/NY8L_SzNr70)  de como vai funcionar o novo recurso.

Como tudo tem um lado negativo, é importante que as marcas fiquem atentas: a política de promoção do Google+ proíbe marcas de executar quaisquer promoções ou concursos diretamente na sua página da rede.

Vamos acompanhar como as empresas vão absorver as novas possibilidades dentro da rede social do Google. Adicione  o Grupo Máquina aos seus círculos para acompanhar as novidades.